Mi Band 5, a sucessora da smartband queridinha da marca já tem data pra ser vendida

Mi Band 5 terá NFC em todos os modelos

A Xiaomi Mi Band 4 é uma das pulseiras inteligentes mais vendidas no mercado graças ao seu preço, conjunto de recursos e à disponibilidade global. Ela é uma das razões para o sucesso contínuo da  Xiaomi no mercado dispositivos vestíveis durante o segundo semestre de 2019 e a empresa continuará explorando este segmento em 2020.

As primeiras informações indicando que a Xiaomi já estava trabalhando na Mi Band 5 surgiram em agosto passado durante uma sessão de perguntas e respostas com Wang Huang, fundador da Huami, que é uma subsidiária da empresa

Agora, novas informações vazadas sobre sua sucessora, a Xiaomi Mi Band 5, revelam que ela terá tela de 1.2 polegadas e suporte para NFC (Near-field communication) em todos os modelos.

Sobre a tela, que utilizará tecnologia AMOLED, as informações vazadas indicam que ela será mais clara e terá mais contraste para facilitar sua visualização em ambientes ensolarados.

Como já foi mencionado, todos os modelos da nova pulseira inteligente da Xiaomi oferecidos fora da China terão suporte para NFC. Com isso ela também suportará mais opções de pagamento usando esta tecnologia, como o Google Pay. A Mi Band 4 atualmente suporta apenas o serviço de pagamento Mi Pay. No caso do suporte para NFC, no momento a tecnologia só é suportada nas pulseiras inteligentes Mi Band 3 e Mi Band 4 disponíveis na China.

A Xiaomi Mi Band 5 custará 179 yuans (cerca de R$ 114) e estará disponível possivelmente a partir de junho na China. Para os modelos vendidos fora do território chinês, os preços devem ficar bem acima disso.

Fonte: Mundo Conectado